História

Nascido na cidade de Cremona, Região da Lombardia, norte da Itália, Tullio Santini chegou ao Brasil em 1956. Saiu da Itália depois da morte do pai, decidido a não dar sequência ao ofício dele, que tinha uma loja de armas e munições.

Seu primeiro destino no Brasil foi o Rio de Janeiro, para onde veio a convite de um amigo. Depois de um ano foi para São Paulo, onde entrou em uma empresa distribuidora de gás. Após algum tempo foi para Ribeirão Preto decidido a abrir uma distribuidora de gás e também uma loja de eletrodomésticos.

Os negócios duraram até o final da década de 90, quando, segundo Santini, o trabalho se tornou excessivamente metódico. E a partir de então resolveu investir na sua verdadeira vocação: a gastronomia genuinamente italiana.

Tullio contava que toda a familia sempre gostou muito de cozinhar e ele trouxe para o Brasil as delícias que aprendeu a fazer lá. Ele dizia modestamente que não é profissional. "Sou autodidata, nunca estudei para mexer com as massas e panelas, mas minha nacionalidade me dá crédito na cozinha", afirmava o chef que considerava a habilidade de cozinhar como natural dos italianos.

Começou sua carreira como Chef cozinhando em casa para amigos e família, vendia suas massas artesanais e antes de optar por abrir uma cantina Italiana, montou um restaurante de frutos do mar em Maceió.

Ao voltar para Ribeirão Preto inaugurou e trabalhou, em parceria com um dos filhos na cozinha de outro restaurante, também de frutos do mar, que era localizado na parte inferior escritório da antiga “Tullio Gás” onde também trabalhou com os filhos.

O restaurante “La Cucina Di Tullio Santini” nasceu em 2000, e logo ganhou fama na cidade pelo seu estilo descontraído e despojado de atender o público, indo pessoalmente às mesas, fazendo com que os clientes se sentissem como parte da família.

O prato que ganhou mais destaque em seu restaurante foi a famosa “La Gôndola”, com o formato e nome inspirados nos barcos de Veneza.

A Gôndola é composta por duas camadas de massa fina e fresca com variados tipos de recheio, que vão dos mais simples como de queijo, ao mais sofisticado com frutos do mar, coberta por folhas de massa bem finas e crocantes. O recheio mais pedido é o “Imperatore” que é composto por filet mingnon em tiras , molho vermelho, molho pesto e queijos.

Um dos primeiros pratos que o Chef inventou e até hoje um de seus mais famosos, La Gôndola, o prato mais pedido da casa, composto por uma massa recheada com cubos de filet mignon e molho de tomate, uma espécie de lasagna com apenas duas camadas de massa.

Com o cardápio composto por massas, risotos, carnes e sobremesas que agradam todo tipo de paladar, o restaurante de Tullio se tornou um dos mais conhecidos de Ribeirão Preto, fazendo com que ele ganhasse dentre muitos prêmios, o prêmio de Master Chef, durante o III Encontro Nacional dos chefs da FIC – Federazione Italiana Cuochi i Delegazione Brasile, em junho de 2008. Desde sua inauguração, a cantina está no Guia 4 rodas como uma das melhores da cidade. Foi a única cantina de Ribeirão condecorada com a comenda “La Stella d’Identitá Italiana”, oferecida pelo consulado italiano. Tullio também participou por duas vezes do programa de Ana Maria Braga na Rede Globo.

Em 2014, Tullio faleceu e deixou seu legado e inspiração para os filhos, que hoje dão continuidade ao restaurante sempre mantendo o padrão de qualidade e o atendimento descontraído herdados pelo pai.

TELEFONES

  • 16 3623-6361

ENDEREÇO

Av. Antônio Diederichsen, 485 Jardim São Luiz
Ribeirão Preto - SP - Brasil

Funcionamento

Almoço: Domingos das 12:00h às 15:00h
Jantar: Segunda à Quinta-Feira das 19:00h às 23:00h Sextas e Sábados das 19:00h às 00:00h
- Julio Guimarães | Inventandus Dany Seabra | Softinside